Beleza Sustentável – Wilson Junior

Nos últimos meses, o assunto que mais foi discutido, além da situação econômica do nosso país, foi a falta de água em regiões que, tradicionalmente, nunca tiveram este problema. A situação abriu um amplo debate, novas formas de economizar este bem precioso, têm sido difundidas todos os dias, mas a mensagem implícita neste cenário é a necessidade de sermos sustentáveis.

Há alguns anos, o termo Sustentabilidade popularizou-se de tal forma, a ponto de entendermos que uma postura mais simples e a busca com proteção de elementos naturais viraram praticamente um estilo de vida, que também se reflete na Arquitetura.

Decoradora Vilma Meireles_pedra Hijau lisa Paisagismo Gilberto Elkis_pedra Hijau lisa e Travertino Anticato tradicional

Especificamente, quando falamos em piscinas, há quem torça o nariz, aclamando-as como verdadeiras vilãs em época de economia de água; mas não podemos nos esquecer de que modernos sistemas de cuidado e de purificação de água surgem como solução de preservação.

Em relação à estética, a busca por revestimentos que remetem à natureza traz à cena pedras naturais em tons de verde, cinzas e terrosos, que exploram grandes formatos e textura irregular, capazes de conceder ares de Lago mesmo para os formatos geométricos, que estão em alta.
Mesmo as pastilhas, que se tornaram tão po-pulares para revestir piscinas por possibi-litarem paginações e desenhos exclusivos, surgem agora como soluções naturais pela diversidade de texturas e pelos tons mesclados, que remetem também aos produtos naturais.

Ao escolher o formato e o revestimento de sua piscina, pense nestas hipóteses, estude com um profissional habilitado as melhores soluções, e tenha certeza de que, ao escolher a estética e elementos que remetem à natureza, você estará desenvolvendo uma postura sustentável, principalmente, por adotar uma estética atemporal que perdurará por muito tempo.

Deixe uma resposta