Home Construção, Aquecimento, Tratamento & Manutenção Tratamento & Manutenção Qual a importância DO CONHECIMENTO PARA TRATAMENTO DE piscina? – por Forlenza

Qual a importância DO CONHECIMENTO PARA TRATAMENTO DE piscina? – por Forlenza

O Brasil é o segundo maior país com volume de piscina do mundo. São aproximadamente 2.500.000 (dois milhões e
quinhentas mil) piscinas, entre as residenciais, de clubes,
hotéis, pousadas, academias, escolas de natação,
condomínios etc.
Os Estados Unidos são o primeiro país, com mais de 9.000.000 (nove milhões) de piscinas. No Brasil o mercado de piscina cresce todo ano.

Qual a importância do conhecimento?

É com satisfação que deixamos aqui nossa opinião sobre a
importância do conhecimento, não importando o tamanho da piscina ou o volume de água. O importante em uma piscina não é somente os móveis ou plantas que fazem parte do ambiente e decoração. A água precisa estar bem tratada, fisicamente e
quimicamente, para que os usuários não adquiram qualquer doença.

Bactérias e fungos são muito comuns em piscinas,
principalmente as que não recebem um tratamento correto.
É fundamental em piscina: uma água azul, cristalina ou
transparente, mas própria para o banho, ou seja, com o pH e o cloro na medida correta.

Quem vai cuidar da piscina tem a função de deixá-la limpa, azul, cristalina e própria para banho, sem contar o aspecto visual como limpeza de bordas, coleta de folhas, aspiração da sujeira que está no fundo e segurança com produtos.

A maior parte das pessoas que tem piscina são interessadas em aprender cada vez mais sobre novas técnicas de tratamento e uso de novos produtos, lançados pelos fabricantes. Participam frequentemente de cursos de tratamento, tornando a
reciclagem uma obrigação.

Muitas pessoas não têm tempo ou condições para fazer a
manutenção, por isso é indispensável a contratação de um
profissional do ramo, o tratador profissional!

Vejamos os pontos importantes que todos devem saber:
– Armazenamento de produtos;

– Manuseio do filtro;

– Cuidados com a organização da casa de máquina;

– Como adicionar os produtos para não prejudicar o
revestimento;

– Tentar aspirar filtrando e não drenando, para não desperdiçar água;

– Qual o balanço químico da água para que não danifique os equipamentos e também seja confortável para os banhistas;

– Quais os produtos para a manutenção;

– Quais os produtos para resolver algum problema;

– Como evitar as doenças provocadas por uma água mal
tratada;

– Como calcular o volume de água da piscina;

-Quais as leis municipais e da ABNT (Associação Brasileira de Normas Técnicas).

Os tópicos acima são alguns dos mais importantes que uma pessoa deve saber. Existem outros que não estão nessa relação, mas são importantes também.

Qual a nossa recomendação?

Nunca pare de aprender e procure fazer muitos cursos
relacionados à piscina. Algumas empresas realizam cursos gratuitos sobre produtos químicos, filtro, motor, aquecedores, iluminação etc.
Existem também revistas especializadas no assunto de
piscinas, disponíveis nas bancas de jornal.

Dicas para todos que irão tratar de piscina:
– Passe protetor solar;
– Use boné e óculos de sol;

Qualquer pessoa, com esforço e boa vontade, pode tratar uma piscina;
Quem trata piscina deve estar sempre aprendendo;
Este aprendizado não é somente para quem vai tratar da água, mas para todos que estão envolvidos direta ou indiretamente com a piscina.
Até mesmo quem apenas usa a piscina deve ter informação. Recomendamos a todos que revendem produtos, assessórios, equipamentos, móveis etc, incluindo proprietários, balconistas, televendas, instaladores a ter mais conhecimento dos
aspectos que envolvem a piscina.
Pesquisar e estudar é o caminho!
Cursos, palestras, feiras, livros, revistas, vídeos, facebook,
mídias sociais, tudo que estiver a disposição deve ser
pesquisado, lido e avaliado para um melhor aprendizado.
Desejo sucesso a todos!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Minha piscina está vazando. O que fazer? por Léo Caprara

O Brasil é o segundo mercado mundial de piscinas, atrás apenas dos Estados Unidos. Mesmo a…