Home Arquitetura & Paisagismo Paisagismo Paisagismo Urbano no Brasil – por Eliana Azevedo
Paisagismo - 2 semanas ago

Paisagismo Urbano no Brasil – por Eliana Azevedo

Nos últimos 80 anos houve forte migração do campo para a cidade em todas as regiões brasileiras. Segundo o
último Censo do IBGE1 (2010) 84% da população brasileira, equivalente a 161 milhões de pessoas, vive em centros urbanos. Em 2010 a população brasileira era de pouco menos de 191 milhões de habitantes. Hoje, em 2019, estamos próximos a 209 milhões de brasileiros, por tanto o número de brasileiros que vive em centros
urbanos hoje beira os 180 milhões. Além da migração
interna temos que nos preparar para a imigração em massa como a que estamos vendo ao norte do país.
Milhares de pessoas vindas da Venezuela e que precisam de ajuda, de um novo local para viver – ao menos
temporariamente. É gente que não acaba mais, e que
demanda muitos recursos naturais para viver bem.
Consomem muitos recursos naturais e produzem muito lixo – dois pontos importantíssimos em que precisamos atuar com a máxima urgência.
Como preparar nossas cidades para essa nova realidade?

A preservação ambiental é fundamental para a sociedade como um todo. Sou convicta de que o agronegócio não está contrário ao meio ambiente, assim como as empresas não desejam poluir o meio ambiente de forma
intencional e irresponsável. Não existe a possibilidade do agronegócio se desenvolver a longo termo sem que o meio ambiente seja preservado. Empresas poluidoras perdem valor no mercado e seus produtos começam a ser rejeitados pelos consumidores, representando assim prejuízo financeiro aos acionistas. Portanto, as empresas que continuarem praticando o desenvolvimento
predatório estão fadadas ao fracasso. Este tema é muito bem abordado no livro Mudando o Rumo, de Stephan Schmidheiny, onde aponta que longe de ser um “mal necessário”, o controle ambiental é estratégico – deve ser visto como uma vantagem competitiva.

Da mesma forma, os cidadãos começam a se dar
conta de que também são protagonistas em questões ambientais. Já se percebe um início de mudança no
comportamento do consumidor que passa a atuar de forma mais consciente na produção (compra) e descarte de bens e resíduos.
Há, no entanto, outra área que necessita de maior atenção e atuação por parte de todos os interessados
– governantes, empresários e cidadãos:
As ruas de nossas cidades e a relação com as mudanças climáticas.
A impermeabilização do solo urbano, a baixa cobertura arbórea e a canalização de rios provocam danos graves ao meio ambiente, com consequências que todos
conhecemos bem: enchentes, desmoronamento de
encostas, ilhas de calor, maior concentração de
poluentes no ar, baixa umidade relativa do ar e a
interrupção do ciclo natural da água pluvial o que provoca sérios prejuízos ao lençol freático e por consequência à bacia hidrográfica da região.
Existem duas formas de atuar para reduzir o impacto que causamos ao meio ambiente, principalmente em áreas urbanas:
1.Educação Ambiental e reciclagem de nossos
conhecimentos;
2.Ações práticas de mudança de hábitos e transformação de nossas cidades.
A primeira traz respaldo à segunda.
É muito importante entender a necessidade de agir em prol do meio ambiente e a sua urgência.
É primordial perceber a eficácia das ações, e como outros países estão enfrentando esse problema.
É muito reconfortante saber que podemos fazer a diferença.
Divido aqui com vocês os próximos eventos que
acontecem em agosto de 2019 e que considero da maior
importância na divulgação de conhecimentos sobre
paisagens urbanas. Ambos podem ser acompanhados por todos os profissionais que atuam na área da
paisagem e também por interessados no tema:

ANP: 3º Encontro de Paisagismo:
Palestrantes nacionais e internacionais dividem suas
experiências e debatem o futuro de nossas paisagens.
07 a 09 de agosto de 2019 em São Paulo
www.anponline.org.br

18ª Conferência Produção + Limpa e Mudança Climática
23/08 – 9h ás 14h – Câmara Municipal de São Paulo
Economia Verde: Como desenvover sem devastar
Inscrições aberta, evento gratuito
www.nataline.com.br

Vamos juntos melhorar nossas cidades!
Encontro vocês lá!

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Check Also

Vegetação e Piscinas – por Frederico Karam

A composição básica dos ambientes de estar externo, além de mobiliário, envolve a presença…